quinta-feira, outubro 27, 2005

dia 2 de escrita normal.
O dia amanheceu como se o mundo fosse acabar. Acordei, preparei o biberão da minha filha e fui tomar banho. Voltei e a pim pim já estava acordada.
Olhar para aquela cara e aquele sorriso maravilhoso escondido por detrás da chucha fez nascer o sol. Depois, o abracinho e o "papá" prolongado deu ao meu dia uma luz tal que ainda não consegui tirar os óculos.

1 comentário:

Luísa disse...

Como te entendo... Há sorrisos que se escondem atrás das chuchas que iluminam o dia inteiro... A CNN devia contratá-las...